O Hemonúcleo de Sorocaba,sob gestão da Associação Beneficente de Coleta de Sangue (Colsan), registrou um baixo número de doadores de sangue nas últimas semanas. O número de doadores que compareceram ao posto de coleta em abril chegou ao total de 2.200; já agora em maio, foram apenas 1.800, o que equivale a uma queda de cerca de 20% no número de doadores. Tal diminuição se dá por duas razões: número de pessoas imunizadas contra a vacina da gripe, que precisam de um intervalo de 30 dias para a próxima doação, e a chegada dos dias frios.

De acordo com o gerente médico da Colsan de Sorocaba, Frederico Guimarães, o número de doadores precisa ser mantido para atender às demandas por transfusões dos hospitais e serviços de urgência e emergência. “Com a aproximação do inverno, é natural que algumas pessoas estejam mais propensas a não ir aos postos de coleta realizar a doação. Entretanto, é necessário que tenhamos os tipos sanguíneos A, B, AB e O para atender toda a população. O ideal é termos mais de 100 doações por dia, mas nas últimas semanas a média está por volta de 60.”

A doação de sangue é um ato altruísta e de suma importância para pacientes que por alguma razão não conseguem manter sua produção diária de sangue ou para aqueles que apresentam uma perda súbita de sangue, como nos casos de traumas, ferimentos e acidentes automobilísticos.

Requisitos para doação

 

* Portar documento oficial de identidade com foto (RG, carteira profissional, carteira de habilitação, passaporte ou carteira de identidade de órgão de classe);

* Ter entre 16 e 69 anos de idade, 11 meses e 29 dias, sendo que a primeira doação deve ter sido feita antes dos 60 anos;

* Pesar no mínimo 50 Kg;

* Estar em boas condições de saúde;

* Estar alimentado (mas não poderão ser aceitos candidatos que tenham ingerido refeições volumosas ou ricas em gordura nas últimas três horas);

* Não haver ingerido bebidas alcoólicas nas últimas 12 horas; 

* Não ter risco acrescido para doenças transmissíveis pelo sangue (usuário de drogas injetáveis e inalatórias, prática de sexo não seguro e vários parceiros sexuais ou ser parceiro sexual de portadores de Aids ou hepatite).

 

*Obs: o doador menor de 18 anos acompanhado pelo responsável legal deve levar cópia do documento de identidade de ambos e preencher autorização no momento da doação. Se desacompanhado, levar cópias dos documentos de identidade e o documento de autorização para doação com firma reconhecida em cartório.

 

A Colsan possui postos de coleta de sangue em diversas regiões. Clique aqui para conferir.

 

 

O Hemonúcleo de Sorocaba,sob gestão da Associação Beneficente de Coleta de Sangue (Colsan), registrou um baixo número de doadores de sangue nas últimas semanas. O número de doadores que compareceram ao posto de coleta em abril chegou ao total de 2.200; já agora em maio, foram apenas 1.800, o que equivale a uma queda de cerca de 20% no número de doadores. Tal diminuição se dá por duas razões: número de pessoas imunizadas contra a vacina da gripe, que precisam de um intervalo de 30 dias para a próxima doação, e a chegada dos dias frios.

De acordo com o gerente médico da Colsan de Sorocaba, Frederico Guimarães, o número de doadores precisa ser mantido para atender às demandas por transfusões dos hospitais e serviços de urgência e emergência. “Com a aproximação do inverno, é natural que algumas pessoas estejam mais propensas a não ir aos postos de coleta realizar a doação. Entretanto, é necessário que tenhamos os tipos sanguíneos A, B, AB e O para atender toda a população. O ideal é termos mais de 100 doações por dia, mas nas últimas semanas a média está por volta de 60.”

A doação de sangue é um ato altruísta e de suma importância para pacientes que por alguma razão não conseguem manter sua produção diária de sangue ou para aqueles que apresentam uma perda súbita de sangue, como nos casos de traumas, ferimentos e acidentes automobilísticos.

Requisitos para doação

 

* Portar documento oficial de identidade com foto (RG, carteira profissional, carteira de habilitação, passaporte ou carteira de identidade de órgão de classe);

* Ter entre 16 e 69 anos de idade, 11 meses e 29 dias, sendo que a primeira doação deve ter sido feita antes dos 60 anos;

* Pesar no mínimo 50 Kg;

* Estar em boas condições de saúde;

* Estar alimentado (mas não poderão ser aceitos candidatos que tenham ingerido refeições volumosas ou ricas em gordura nas últimas três horas);

* Não haver ingerido bebidas alcoólicas nas últimas 12 horas; 

* Não ter risco acrescido para doenças transmissíveis pelo sangue (usuário de drogas injetáveis e inalatórias, prática de sexo não seguro e vários parceiros sexuais ou ser parceiro sexual de portadores de Aids ou hepatite).

 

*Obs: o doador menor de 18 anos acompanhado pelo responsável legal deve levar cópia do documento de identidade de ambos e preencher autorização no momento da doação. Se desacompanhado, levar cópias dos documentos de identidade e o documento de autorização para doação com firma reconhecida em cartório.

 

A Colsan possui postos de coleta de sangue em diversas regiões. Clique aqui para conferir.